quarta-feira, 28 de março de 2012

Saúde íntima feminina

Quero compartilhar com vocês  uma coisa que eu acho muito importante na vida da mulher. Não é apenas cuidado do cabelo, do rosto, das mãos e das partes íntimas nada. Temos que ter cuidado dobrado com elas. Achei um artigo em legal de um blog chamado Saúde Feminina sobre corrimento vaginal. Bem interessante.


"Hoje vamos falar de algo muito comum para as mulheres, o corrimento vaginal. O corrimento vaginal é um fluxo anormal provocado por uma infecção/inflamação da vulva. Vários agentes podem provocar estas inflamações/infecções como a candidíase, trichomonas vaginalis, gardnerella, clamídia, gonococos, entre outros.

Normalmente a secreção vaginal é clara, sem odor e não provoca coceira. A mulher pode observar a modificação desta secreção conforme seu ciclo menstrual. No período de ovulação, por exemplo, a secreção se parece com uma clara de ovo. Já perto da menstruação fica um pouco mais espessa e leitosa. Se mudar de cor, manchar as roupas íntimas, tiver odor diferente ou provocar coceira, passa a ser um corrimento vaginal.

Para o diagnóstico, além do exame clínico, é muito importante a realização de exames complementares como cultura de secreção vaginal para análise do material para determinação do agente causador da infecção e assim possibilitar o tratamento específico do corrimento.

Uma infecção muito comum é a candidíase, que provoca um corrimento branco, granuloso (parecido com leite talhado), vermelhidão na região e coceira. O tratamento da candidíase deve ser feito através do uso de medicamento oral anti-fungíco e creme vaginal. O parceiro também deve ser tratado para evitar uma nova contaminação, o chamado efeito ping-pong.

Veja algumas dicas importantes para se prevenir do corrimento vaginal:

- Não fazer duchas vaginais;
- Não utilizar calças muito apertadas;
- Não utilizar roupas íntimas de lycra.

Saúde em primeiro lugar! Procure sempre o seu médico!

(Por uma questão de ética médica, o autor não responde as questões de saúde individuais. As dúvidas gerais serão respondidas em forma de posts. Lembramos que nada substitui uma consulta ao ginecologista e a consequente realização de exames."


fonte: Saúde Feminina - Bolsa de Mulher

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...