quarta-feira, 27 de julho de 2011

Você se acha bonita?

Passeando de site em site em site em site, achei um blog chamado Look Melissa. Maior legal e pop. E roubei descaradamente um post que gostaria muito de compartilhar com minhas leitoras. Lá vai:


“Acho lindo em você, mas não teria coragem de usar.”
Essa é uma frase recorrente comentários dos posts de look do dia e sempre que eu leio isso me pergunto “se é lindo, por que você não tem coragem? não quer ser linda também?”. Algumas estão limitadas pelo dress code do trabalho, outras moram em cidades pequenas e há também aquelas que são censuradas pelos namorados. Eu já sofri com os 3 casos, inclusive esse foi um dos motivos pelos quais troquei de namorado!
Será que o medo de ousar tem de fato um motivo externo como trabalho/namorado ou a causa é interna? Ninguém trabalha 24 horas/7 dias por semana e até onde sei já passamos da época em que homens mandavam alguma coisa na vida das mulheres. De acordo com um estudo encomendado pela marca Dove, apenas 4% das mulheres se acham bonitas. Você se acha bonita? O que é ser bonita? Será que a beleza está em cabelos lindos e lisos, longos e loiros, combinados a seios fartos, corpo violão e olhos claros? Porque se isso for ser bonita, 90% da humanidade está lascada!
Sem falsa modéstia eu posso dizer que estou entre os 4% de mulheres que se acham bonitas. Ou melhor, aprendi a estar. Fui uma adolescente cabeluda, magricela e mal vestida em uma cidade com 15 mil habitantes. Quando olhava no espelho me achava uó-do-borogodó, eu tinha cabelos longos imensos e volumosos como da Maria Betânia, só vestia calça e molentom porque a oferta de roupas na minha cidade era escassa (e meu pai não deixava eu usar saias e vestidos). Em outras palavas: era infeliz e me sentia horrorosa. Isso era reforçado pelos meninos da minha escola que me davam vários apelidos.
Os anos passaram e com eles veio a idade e o autoconhecimento. Aprendi que cada pessoa pode ser bonita desde que crie seu próprio ideal de beleza. Parei de alisar os cabelos, assumi as orelhas grandes, as pernas tortas e neguei o implante de silicone que minha mãe quis dar como presente, entre tantos outros problemas que poderiam me tornar uma pessoa “feia”. E quer saber? Depois que passei a me achar bonita, ninguém mais percebeu que eu sou orelhuda, que tenho seios pequenos e que minhas pernas são tortas. E esses defeitos continuam lá, onde sempre estiveram.
Permita-se ser bonita, valorize o que você tem de melhor e esqueça as imperfeições pois elas existem para todo mundo! Aceite que nem todas nasceram lindas, loiras e lisas, mas que mesmo assim é possível ser linda. Esses processos podem ajudar, mas a beleza precisa vir de dentro.  Divirta-se com suas roupas, sinta-se tão bela quanto a atriz da novela ou a mocinha do filme! Se ela pode, por que você não poderia?


Faz muito sentido. O importante é sentir-se bem =D

Um comentário:

Boss 000 disse...

Faço parte dos 96% das mulheres que se acham horriveis então? uahauha

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...